Os aterros do Grupo LARA recebem cerca de 375.600 mil toneladas/mês de resíduos sólidos domiciliares e industriais, atendendo cerca de 24 milhões de habitantes, com abrangência no Brasil, nas regiões Sudeste (SP, MG, RJ e ES) e nordeste (PB) e no exterior, Índia.

Comprometimento com o Meio Ambiente

Os aterros foram implantados e são operados em conformidades com todas as normas técnicas e legislações ambientais vigentes no país, encontram-se devidamente regularizados pelos órgãos fiscalizadores possuindo as licenças de instalação, funcionamento e operação.

Preocupada em atender melhor seus clientes devido ao aumento gradativo da geração de resíduos, a empresa está viabilizando um projeto que vai ampliar sua capacidade de recebimento por mais meio século.

Manejo do Aterro

O Aterro LARA foi implantado e é operado em conformidade com todas as normas técnicas e a legislação ambiental vigente no país.

A área destinada a disposição dos resíduos é impermeabilizada com camadas de argila compactada, revestidas com material geosintético (Polietileno de Alta Densidade – PEAD), que associada a uma rede de drenagem de líquidos percolados garante a manutenção da qualidade das águas subterrâneas.

Drenagem de Gases

Os gases formados pela decomposição dos resíduos dispostos no aterro são coletados por drenos específicos e então queimados. Essa captação é necessária para impedir o seu acúmulo no interior do aterro.

Monitoramento do Subsolo

A preservação da qualidade ambiental na área do aterro e de seu entorno é permanentemente monitorada pele equipe técnica da LARA. Todos os dias são coletadas amostras de águas superficiais e subterrâneas, que são submetidas à análises físico-químicas e bacteriológicas , garantindo o controle da qualidade.

Acompanhamento sistêmico das condições de estabilidade geotécnica dos taludes, bem como a verificação diária dos acessos, cercas, drenos e cobertura dos resíduos, completam a segurança no local.

Co-disposição

A disposição final de resíduos produzidos em diversos setores é uma dificuldade que vem se agravando à medida que são ampliadas as quantidades de resíduos a serem destinados adequadamente.

Manejo de Resíduos

A disposição final de resíduos produzidos em diversos setores é uma dificuldade que vem se agravando à medida que são ampliadas as quantidades de resíduos a serem destinados adequadamente.